sábado, 29 de outubro de 2011


Como fazer uma abobora de Halloween

1
halloween que se prese tem que ter uma abóbora né?
então pesquisei na net como fazer uma bem legal !!

Materiais:
  • 1 abobora (mais ou menos do tamanho de uma bola de futebol)
  • 1 faca bem afiada
  • 1 colher
  • 1 vela (ou mais)
  • 1 canetinha
  • Jornal para cobrir a área de trabalho
Passo-a-passo:


O primeiro será lavar muito bem a abobora e deixá-la secar. Agora trace, na parte de cima da abobora, um circulo ao redor do talo. Corte pela línea, com a faca em um ângulo, para que o corte não fique reto; esta será a tampa, pelo qual, não jogue fora. Agora, por essa mesma abertura, comece a tirar pouco a pouco todo o recheio, raspando as paredes da abóbora, até que ela fique lisa.
Na medida em que você for raspando, tire o recheio, para que fique mais fácil. Você pode aproveitar o recheio e fazer doces, ou torrar as sementes e comê-las com sal, mas se não quiser, jogue fora. Na parede da pare ta frente da abobora deve ficar de uns 2 cm de largo, não mais, para que não seja difícil fazer o desenho, e não menos, para que não seque e estrague o trabalho.
Agora desenhe o seu motivo nela, seja um rostro ou um fantasma ou o que você quiser; mas tem que ser algo que assuste! Importante, a canetinha não pode ser de tinta permanente. Agora corte cuidadosamente o seu desenho, também com a faca em ângulo, tirando fora as partes. Agora coloque pequenas velas no interior da abobora e acenda-as, você verá que legal que ficou seu trabalho. Enfeite sua festa, sua casa ou seu jardim com elas e prepare-se para assustar à vizinhança.
desenhos variados clica aqui
beijocas!! e um feliz halloween!!
fonte:aqui


sexta-feira, 28 de outubro de 2011


unhas para o dia das bruxas!!

0
dua das bruxas chegando... e achei na net umas idéias legais para fazer nas unhas,confiram:





amei as idéias!!
beijocas!!

quinta-feira, 27 de outubro de 2011


esmalte da semana em homenagem ao dia das bruxas

0

o esmalte dessa semana é o maçã do amor da risque.
amei o vermelho metalizado,cobertura de secagem rápida  e cor super radiante!!
beijocas!!

terça-feira, 25 de outubro de 2011


o vampiro Armand

1

Sinopse - O Vampiro Armand - Série Crônicas Vampirescas - Livro 6 - Anne Rice

O sedutor Armand, que despontou em Entrevista com o vampiro, hoje um clássico do horror gótico, retorna para contar sua fascinante trajetória de vida em mais um episódio das Crônicas Vampirescas. Tudo começa onde o romance Memnoch (quinto livro da série) termina. Vampiros do mundo inteiro estão reunidos em torno de Lestat, prostrado no chão de uma catedral, não se sabe se morto ou em coma.

Enquanto reflete sobre a condição de Lestat, Armand é convidado por David Talbot para contar a sua vida. A narrativa passa então abruptamente para o século XV, em Kiev Russia; uma cidade em ruínas dominada pelos mongóis onde Armand vive a sua infância e depois para Constantinopla, onde ele é vendido como escravo por caçadores tártaros. Seu comprador é um Marius, um misterioso pintor(também vampiro). Ele é quem dará a Armand o dom da imortalidade.

A autora descreve em detalhes o sensual relacionamento do ainda mortal Armand com o seu mentor e a conseqüente transformação do pupilo em vampiro. Quando esta finalmente ocorre, as cenas fortes de sexo são substituídas pelo questionamento de Armand, forçado a escolher entre a imortalidade adquirida e a salvação de sua alma.

O romance descreve cenas de luxo e elegância no suntuoso palácio renascentista de Marius, em Veneza, passa para mirabolantes aventuras e cultos diabólicos na Paris do século XIX, até chegar à Nova Orleans de hoje. Os capítulos finais relembram o significado profundo dos vampiros de Anne Rice: uma metáfora para os mais intensos e ocultos desejos do ser humano.


O Vampiro Armand - Série Crônicas Vampirescas - Livro 6 - Anne Rice
gente esse livro é maravilhoso,mais uma dica para essa semana do dia das bruxas
segue o link para ler ele on  line
beijocas!!


domingo, 23 de outubro de 2011


Halloween ,conheça um pouco da história

1
A palavra Halloween tem origem na Igreja católica. Vem de uma corrupção contraída do dia 1 de novembro, "Todo o Dia de Buracos" (ou "Todo o Dia de Santos"), é um dia católico de observância em honra de santos. Mas, no século V DC, na Irlanda Céltica, o verão oficialmente se concluía em 31 de outubro. O feriado era Samhain, o Ano novo céltico.
Alguns bruxos acreditam que a origem do nome vem da palavra hallowinas - nome dado às guardiãs femininas do saber oculto das terras do norte (Escandinávia).

O Halloween marca o fim oficial do verão e o início do ano-novo. Celebra também o final da terceira e última colheita do ano, o início do armazenamento de provisões para o inverno, o início do período de retorno dos rebanhos do pasto e a renovação de suas leis. Era uma festa com vários nomes: Samhain (fim de verão), Samhein, La Samon, ou ainda, Festa do Sol. Mas o que ficou mesmo foi o escocês Hallowe'en.
Uma das lendas de origem celta fala que os espíritos de todos que morreram ao longo daquele ano voltariam à procura de corpos vivos para possuir e usar pelo próximo ano. Os celtas acreditavam ser a única chance de vida após a morte. Os celtas acreditaram em todas as leis de espaço e tempo, o que permitia que o mundo dos espíritos se misturassem com o dos vivos.
Como os vivos não queriam ser possuídos, na noite do dia 31 de outubro, apagavam as tochas e fogueiras de suas casa, para que elas se tornassem frias e desagradáveis, colocavam fantasias e ruidosamente desfilavam em torno do bairro, sendo tão destrutivos quanto possível, a fim de assustar os que procuravam corpos para possuir, (Panati).
Os Romanos adotaram as práticas célticas, mas no primeiro século depois de Cristo, eles as abandonaram.
O Halloween foi levado para os Estados Unidos em 1840, por imigrantes irlandeses que fugiam da fome pela qual seu país passava e passa ser conhecido como o Dia das Bruxas.



Travessuras ou Gostosuras?(Trick-or-treat)
brincadeira de "doces ou travessuras" é originária de um costume europeu do século IX, chamado de "souling" (almejar). No dia 2 de novembro, Dia de Todas as Almas, os cristãos iam de vila em vila pedindo "soul cakes" (bolos de alma), que eram feitos de pequenos quadrados de pão com groselha.
Para cada bolo que ganhasse, a pessoa deveria fazer uma oração por um parente morto do doador. Acreditava-se que as almas permaneciam no limbo por um certo tempo após sua morte e que as orações ajudavam-na a ir para o céu.

Abóboras e velas: Jack O'Lantern (Jack da Lanterna)
A vela na abóbora provavelmente tem sua origem no folclore irlandês. Um homem chamado Jack, um alcoólatra grosseiro, em um 31 de outubro bebeu excessivamente e o diabo veio levar sua alma. Desesperado, Jack implora por mais um copo de bebida e o diabo concede. Jack estava sem dinheiro para o último trago e pede ao Diabo que se transforme em uma moeda. O Diabo concorda. Mal vê a moeda sobre a mesa, Jack guarda-a na carteira, que tem um fecho em forma de cruz. Desesperado, o Diabo implora para sair e Jack propõe um trato: libertá-lo em troca de ficar na Terra por mais um ano inteiro. Sem opção, o Diabo concorda. Feliz com a oportunidade, Jack resolve mudar seu modo de agir e começa a tratar bem a esposa e os filhos, vai à igreja e faz até caridade. Mas a mudança não dura muito tempo, não.
No próximo ano, na noite de 31 de outubro, Jack está indo para casa quando o Diabo aparece. Jack, esperto como sempre, convence o diabo a pegar uma maçã de uma árvore. O diabo aceita e quando sobe no primeiro galho, Jack pega um canivete em seu bolso e desenha uma cruz no tronco. O diabo promete partir por mais dez anos. Sem aceitar a proposta, Jack ordena que o diabo nunca mais o aborreça. O diabo aceita e Jack o liberta da árvore.
Para seu azar, um ano mais tarde, Jack morre. Tenta entrar no céu, mas sua entrada é negada. Sem alternativa, vai para o inferno. O diabo, ainda desconfiado e se sentindo humilhado, também não permite sua entrada. Mas, com pena da alma perdida, o diabo joga uma brasa para que Jack possa iluminar seu caminho pelo limbo. Jack põe a brasa dentro de um nabo para que dure mais tempo e sai perambulando. Os nabos na Irlanda eram usados como seu "lanternas do Jack" originalmente. Mas quando os imigrantes vieram para a América, eles acharam que as abóboras eram muito mais abundantes que nabos. Então Jack O'Lantern (Jack da Lanterna). na América passa a ser uma abóbora, iluminada com uma brasa.

Sua alma penada passa a ser conhecida como Jack O'Lantern (Jack da Lanterna). Quem presta atenção vê uma luzinha fraca na noite de 31 de outubro. É Jack, procurando um lugar.
enganara Satã ao subir uma árvore. Jack então esculpiu uma imagem de uma cruz no tronco da árvore, prendendo o diabo para cima a árvore. Jack fez um acordo com o diabo, se ele nunca mais o tentasse novamente, ele o deixaria árvore abaixo.
De acordo com o conto de povo, depois de Jack morrer, ele a entrada dele foi negada no Céu, por causa de seus modos de malvado, mas ele teve acesso também negado ao Inferno, porque ele enganou o diabo. Ao invés, o diabo deu a ele uma brasa única para iluminar sua passagem para a escuridão frígida. A brasa era colocada dentro de um nabo para manter por mais tempo.
Os nabos na Irlanda eram usados como seu "lanternas do Jack" originalmente. Mas quando os imigrantes vieram para a América, eles acharam que as abóboras eram muito mais abundantes que nabos. Então o Jack O'Lantern (Jack da Lanterna), na América, era em uma abóbora, iluminada com uma brasa.


Bruxas
As bruxas têm papel importantíssimo no Halloween. Não é à toa que ela é conhecida como "Dia das Bruxas" em português. Segundo várias lendas, as bruxas se reuniam duas vezes por ano, durante a mudança das estações: no dia 30 de abril e no dia 31 de outubro. Chegando em vassouras voadoras, as bruxas participavam de uma festa chefiada pelo próprio Diabo. Elas jogavam maldições e feitiços em qualquer pessoa, transformavam-se em várias coisas e causavam todo tipo de transtorno.
Diz-se também que para encontrar uma bruxa era preciso colocar suas roupas do avesso e andar de costas durante a noite de Halloween. Então, à meia-noite, você veria uma bruxa!
A crença em bruxas chegou aos Estados Unidos com os primeiros colonizadores. Lá, elas se espalharam e misturaram-se com as histórias de bruxas contadas pelos índios norte-americanos e, mais tarde, com as crenças na magia negra trazidas pelos escravos africanos.
O gato preto é constantemente associado às bruxas. Lendas dizem que bruxas podem transformar-se em gatos. Algumas pessoas acreditavam que os gatos eram os espíritos dos mortos. Muitas superstições estão associadas aos gatos pretos. Uma das mais conhecidas é a de que se um gato preto cruzar seu caminho, você deve voltar pelo caminho de onde veio, pois se não o fizer, é azar na certa.



Halloween pelo mundo

A festa de Halloween, na verdade, equivale ao Dia de Todos os Santos e o Dia de Finados, como foi absorvido pela Igreja Católica para apagar os vínculos pagãos, origem da festa. Os países de origem hispânica comemoram o Dia dos Mortos e não o Halloween. No Oriente, a tradição é ligada às crenças populares de cada país.
Espanha
Como no Brasil, comemora-se o Dia de Todos os Santos em 1º de novembro e Finados no dia seguinte. As pessoas usam as datas para relembrar os mortos, decorando túmulos e lápides de pessoas que já faleceram.
Irlanda
A Irlanda é considerada como o país de origem do Halloween. Nas áreas rurais, as pessoas acedem fogueiras, como os celtas faziam nas origens da festa e as crianças passeiam pelas ruas dizendo o famoso “tricks or treats” (doces ou travessuras).
México
No dia 1º comemora-se o Dia dos Anjinhos, ou Dia dos Santos Inocentes, quando as crianças mortas antes do batismo são relembradas.
O Dia dos Mortos (El Dia de los Muertos), 2 de novembro, é bastante comemorado no México. As pessoas oferecem aos mortos aquilo que eles mais gostavam: pratos, bebidas, flores. Na véspera de Finados, família e amigos enfeitam os túmulos dos cemitérios e as pessoas comem, bebem e conversam, esperando a chegada dos mortos na madrugada.
Uma tradição bem popular são as caveiras doces, feitas com chocolate, marzipã e açúcar.
Tailândia
Nesse país, existe o festival Phi Ta Khon, comemorado com música e desfiles de máscaras acompanhados pela imagem de Buda. Segundo a lenda, fantasmas e espíritos andam entre os homens. A festividade acontece no primeiro dia das festas budistas.

Alguns significados simbólicos
a abóbora: simboliza a fertilidade e a sabedoria
a vela: indica os caminhos para os espíritos do outro plano astral.
o caldeirão: fazia parte da cultura - como mandaria a tradição. Dentro dele, os convidados devem atirar moedas e mensagens escritas com pedidos dirigidos aos espíritos.
a vassoura: simboliza o poder feminino que pode efetuar a limpeza da eletricidade negativa. Equivocadamente, pensa-se que ela servia para transporte das bruxas.
as moedas: devem ser recolhidas no final da festa para serem doadas aos necessitados.
os bilhetes com os pedidos, devem ser incinerados para que os pedidos sejam mais rapidamente atendidos, pois se elevarão através da fumaça.
a aranha - simboliza o destino e o fio que tecem suas teias, o meio, o suporte para seguir em frente.
o morcego - simbolizam a clarividência, pois que vêem além das formas e das aparências, sem necessidades da visão ocular. Captam os campos magnéticos pela força da própria energia e sensibilidade.
o sapo - está ligado à simbologia do poder da sabedoria feminina, símbolo lunar e atributo dos mortos e de magia feminina.
gato preto - símbolo da capacidade de meditação e recolhimento espiritual, autoconfiança, independência e liberdade. Plena harmonia com o Unirverso
Cores:
Laranja - cor da vitalidade e da energia que gera força. Os druidas acreditavam que nesta noite, passagem para o Ano Novo, espíritos de outros planos se aproximavam dos vivos para vampirizar a energia vital encontrada na cor laranja.
Preto - cor sacerdotal das vestes de muitos magos, bruxas, feiticeiras e sacerdotes em geral. Cor do mestre.
Roxo - cor da magia ritualística.


fonte :aqui
beijocas meninas!!



semana do dia da bruxas... livro entrevista com o vampiro

0
ola! meninas ,faltando dias para o dia 31 de outubro,dia das bruxas,venho falar um pouco desse livro tão maravilhoso!
entrevista com o vampiro da Anne Ricce.
Em Entrevista com o Vampiro Anne Rice faz um relato sobre um vampiro que conta a história de sua vida ao repórter Malloy. O entrevistado Louis Pointe Du Lac faz uma retrospectiva ao passado, voltando 200 anos no tempo quando, no fim do século XVIII, ainda era um simples mortal em New Orleans, proprietário de muitas terras, mas muito deprimido, por ter perdido esposa, filho e o irmão. Louis conhece Lestat de Lion Court, um vampiro fascinante e perigoso que veio da França e promete-lhe uma nova forma de vida, onde não existe a morte nem a dor. Louis torna-se assim um vampiro e acompanha Lestat, que sabe aproveitar os prazeres da noite em busca de novas vitimas para seu sustento, mas Louis é incapaz de tirar uma vida humana e sobrevive à custa do sangue de animais. Louis e Lestat desenvolvem uma estranha relação de amor e ódio vagando juntos por New Orleans. Contudo, com o passar dos anos, ele adquire todos os hábitos de um verdadeiro vampiro - a frieza, o desejo forte, o prazer sensual. Um dia Louis encontra Claudia, uma menina ainda, e não resiste em mordê-la, tornando-a assim em vampira e sua aprendiz. A relação entre ele e Claudia é muito boa, mas com o tempo vão surgindo conflitos, pois Claudia, apesar da aparência de criança, transforma-se em uma mulher e à medida que percebe que está presa no corpo de uma criança se enfurece. Louis vive atormentado por uma existência sem significado, fadada ao sofrimento, alimentando um grande ódio por Lestat, o que o leva a partir com Claudia, atrás de outros seres como eles. Até que se estabelece em Paris, onde conhece Armand, um vampiro por quem tem alguma admiração. Louis é um vampiro com todas as dúvidas humanas, que vive atormentado por questões como a imortalidade e a vida. Este livro fantástico levanta questionamentos profundos e autênticos e com certeza deve ser lido e relido.

Fonte: http://pt.shvoong.com/books/mystery-and-thriller/1705479-entrevista-com-vampiro/#ixzz1bbe681gT
gente o livro é maravilhoso!! 
leiam em pdf:
link para baixar aqui
beijocas !!



sábado, 22 de outubro de 2011


nova linha barbie by avon

2
Pois é a avon acaba de lançar 3 produtos da linha infantil Loves Glitter para meninas de 3 a 8 anos,
ou meninas velhas como eu,rssrrsr que adoram perfumes de crianças!

Colônia Perfumada (50ml). Preço R$25,00: delicadas notas de framboesa e um mix de flores e notas doces. O perfume vem em uma embalagem moderna nas cores pink e branco em um glamuroso frasco de vidro. Dermatologicamente e clinicamente testado.

- Gel com Glitter para os Cabelos (100g). Preço R$11,90: proporciona um lindo visual. Pode ser usado diariamente.


- Mini Lip Gloss para os Lábios Caramelo ou Chocolate (1,5g). Preço: R$9,90: deixa os lábios com brilho uniforme e com sensação de hidratação. Fácil de aplicar, desliza suavemente nos lábios. Pode ser pendurado no celular, na bolsa ou na mochila, transformando-se num acessório de moda.
essas são as novidades da barbie aqui no brasil,vou comprar para minha filha,mais tb vou tirar uma casquinha,srrssrr
beijocas!!

sexta-feira, 21 de outubro de 2011


gente andei sumida um tempinho...

0
queridas amigas que seguem meu blog,andei sumidinha por um tempo,pq precisava reorganizar algumas coisas na minha vida.
Rever alguns conceitos,fazer uma limpeza na alma e nas gavetas!! rsrrssrs
Precisava de um tempo também para voltar a escrever meus textos.
Que só saem da minha alma,quando passo um tempo sozinha comigo mesma.
Obrigada a todas que comentaram as postagens,que visitaram meu blog,obrigada e breve estarei visitando e comentando o de vcs também!
beijos a todas!!

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!

Clarisse Lispector

esmaltes

1
esmaltes que amei:
da nova coleção da avon color trend,é um laranja lindo!!
eu ameiiiiiii.
simplesmente azul da top beauty ,amei ,aproveitei fiz umas bolinhas com cores variadas pra dar uma mudada,
já que sou péssima pra fazer desenhos nas unhas,rssrsrsr,bolinha disfarça!
beijos meninas!!



sábado, 15 de outubro de 2011


Espadrilhas a nova sensação que vai abalar !!

0
as espadrilhas chegaram com tudo!! cheias de charme e requinte ,promete embelezar ainda mais nossos looks1
eu amei,já que tenho o maior problema com sapatos,todos apertam meus pés e formam bolhas,pra fugir desse tormento sempre tenho que optar por rasteirinhas ,ou sandálias que deixem  meus pés mais livres,e as espadrilhas parecem ser uma dessas soluções,vou com certeza comprar e sair com meus pés na moda por aí.

beijocas!!!





terça-feira, 11 de outubro de 2011


tecidos...nas unhas??

1
depois do jornal,agora é a vez do tecido,e nas unhas!!
fica um arraso!!

A renda é aplicada sobre a unha  com um adesivo e depois selada com esse mesmo adesivo acima. Em seguida, as unhas são pulverizadas com uma cola de secagem rápida e envolvidas em gel. Caso goste da ideia antes de tentar fazer em casa o ideal é você realizar o procedimento com uma manicure profissional.
Os produtos usados que se trata de um adesivo e uma cola de secagem rápida e um tipo de pulverização de efeito gel, vale lembrar que as unhas não devem ter contanto com produtos químicos no qual a alternativa é fazer o serviço de casa com uma luva de borracha.


beijocas!!


sexta-feira, 7 de outubro de 2011


maçã do amor ,o boticário

1
Desde de junho que deveria ter postado sobre a colônia maçã do amor ,de o boticário.
ela é maravilhosa Coleção Fun Arraiá, que tem notas doces de maçã vermelha, bergamota, pimenta rosa, maçã verde e pêra d’água.
da uma sensação de frescor imensa após o banho,eu mesma me apaixonei por ela.
pra quem gosta de perfume docinho,esse vai agradar^^
beijocas!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget