sexta-feira, 29 de abril de 2011


casamento real é outra coisa!!

0
casamento mais badalado de nossa década,acordei cedo para acompanhar
pela tv.
O que vi,foi um casamento muito lindo,e uma noiva linda e simples.
esse casamento teve preparativos que foi um luxo só,estamos falando da família real ne gente?
pura pompa e tradição.
Me lembra os casamentos dos contos de fadas que cresci escutando,algo tão lindo e romântico.
confiram algumas coisinhas:
perfume feito pela perfumista  Kim Weisswange.
para os noivos usarem no grande dia:


convite:
o vestido:


essa história de amor entre eles ja dura a um tempão,coisa de uns 10 anos.
Pouco depois, em setembro de 2001, os dois entraram para a prestigiada Universidade de Saint Andrews, na Escócia. Ambos eram alunos do primeiro ano de história da arte.
Kate já confessou que chegou a "enrubescer". William revelou que quando a conheceu, "logo soube que havia algo de muito especial nela".
A amizade dos dois logo se transformou em romance, mudança em muito atribuída a um desfile beneficente de moda, em março de 2002, no qual Kate vestiu um revelador vestido transparente. William revelou ter ficado impressionado com a beleza da futura noiva.
Em setembro do mesmo ano, William e Kate se mudam para uma república com mais dois amigos. Em dezembro, os dois já eram um casal, embora mantivessem o relacionamento longe dos holofotes da imprensa.
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/904742-william-e-kate-namoram-ha-oito-anos-e-chegaram-a-romper-em-2007.shtml
como todo casal ,também houve um rompimento entre eles,mais com certeza
o amor entre os dois era pra valer,hoje o que aconteceu foi prova disso.
desejamos vida longa ao casal e muitas felicidades!!
beijocas!

quarta-feira, 27 de abril de 2011


maquiagem de inverno 2011

1

maquiagem é tudo!! tudo de bom!!
neste inverno ela vem deslumbrante,olhos coloridos,olhos esfumaçados,
batons vibrantes e cores nude! uma beleza de se ver por aí.
so temos que ter cuidado para não exagerar e sair por aí
toda colorida estilo banda restart no rosto!!rssrsrsr
nada contra a banda hein? mais tb nada a favor,rssrsr
a questão é ter bom senso e usar tudo na medida certa,olhos coloridos?
boca mais discreta e assim vai...
mais... a moda quem faz é vc!!
beijocas!!

terça-feira, 26 de abril de 2011


novo sorteio no blog!!

3
ola! novo sorteio no blog!! 
sorteando os mimos enviados pelos parceiros.
número 1 e número 5: enviados pela kitsune story:
blog:
sortearemos um chaveiro onigiri e um moranguinho.
número 2 e número 3:
enviados pela parte da arte:
orkut:
sortearemos 2 prendedores e uma linda  boneca
número 4: chaveiro princesa.
regras:
ser seguidor do blog 
deixar seu nome e email nessa postagem
o sorteio acontecerá assim que tivermos mais de 30 participantes.




haaaa,quem divulgar no seu blog,participa 2 vezes,é so mandar o link
de postagem!!
segue imagem com link:
código HTML :





boa sorte!! beijocas!!

segunda-feira, 25 de abril de 2011


comeu muito chocolate na páscoa? hora da dieta!!

2
páscoa é sempre assim,a dieta ja era,rssrsrsrsr
é tanta coisa gostosa de chocolate!!amo chocolate!!
aí quando passa pensamos nos exageros,eu corri pra net atrás de uma dieta,pós-páscoa,rsrssrssrs
vamos la:
Preparamos uma dieta de emergência para você que não consegue fugir do chocolate, principalmente durante a Páscoa. O endocrinologista e nutrólogo Carlos Alberto Werutsky, de Porto Alegre (RS), montou um cardápio especial com baixas calorias e com pouquíssima gordura, para ser feito no primeiro dia após a comilança. Não é o máximo?
O motivo do chocolate ser bom e ruim
Uma barra de chocolate ao leite de 100 gramas tem 560 calorias em média. Para você ter ideia de como isso é muito, um sanduíche Big Mac, do MacDonald’s, tem 587 cal! Além de muito calórico, o chocolate é rico em gordura, um grande vilão na luta pelo emagrecimento e boa saúde. Essa barriga e 100 gramas que estamos falando tem 35% de gordura – o mesmo percentual que é recomendado para ser consumido durante o dia inteiro pelo Food and Drug Administration (o órgão americano que controla alimentos e remédios nos Estados Unidos).
Mantenha a boa forma
"Comendo muito chocolate durante três dias, dá para aumentar pelo menos um quilo no peso total do corpo". Claro que esse número pode variar de acordo com o consumo e o metabolismo de cada um”, alerta dr. Werutsky. Por isso, para manter o peso equilibrado controle a gula, intensifique o ritmo da ginástica e faça a nossa dieta de compensação. Ela tem 924 calorias, apenas 14% de gordura e funciona como um freio nesse “processo engordativo” depois de uma comilança. “Mas atenção: não existem milagres. O excesso de peso, seja ele qual for, só será eliminado quando o gasto de calorias for maior que o consumo”, alerta o endocrinologista.
Cardápio de um dia para fazer depois de comer muito chocolate
Confira a dieta de 940 calorias desenvolvida pelo endocrinologista e nutrólogo Carlos Alberto Werutsky, de Porto Alegre (RS) e siga as orientações de cardápio para um dia


REFEIÇÕESCARDÁPIO
CAFÉ DA MANHÃ1 pote de iogurte natural desnatado
3 colheres (sopa) de cereal tipo Granola ou de farelo de trigo
150 g de frutas picadas
1 copo (200 ml) de suco de frutas diet/light
ALMOÇO1 porção (200 g) de macarrão integral cozido
10 brotos de brócolis cozido
1 porção de molho magro de ervas
1 copo (200 ml) de suco de frutas diet/light
1 taça de gelatina diet/light com pedaços de fruta
LANCHE1 barra de cereais (sem chocolate)
1 copo (200 ml) de chá de frutas com adoçante
JANTAR1 pão sírio
2 colheres (sopa) de queijo tipo cottage
1 pires de salada de alface, tomate, palmito, cebola e pepino
1 copo (200 ml) de suco ou refrigerante diet/light/zero
1 taça de pudim diet/light
CEIA1 banana ou maçã assada no microondas
fonte:http://claudia.abril.com.br/especiais/pascoa-2011/dieta-pos-pascoa/
de volta a dureza!! kkkkkkkkkk
nada de chocolates,ou doçuras agora é correr atrás do prejuízo!!
beijocas e boa semana!!

domingo, 24 de abril de 2011


Chag Pêssach Sameach! Feliz Pêssach para todos! Feliz Páscoa^^

0


A chegada de Yaacov e sua família no Egito foi uma marcha triunfal. Assim foi também a partida, 210 anos depois, de seus filhos, os filhos de Israel, do Egito. Esta era a diferença: a pequena família de setenta pessoas havia se tornado uma nação grandiosa e unificada de três milhões de almas, das quais, 600.000 homens adultos.
Em cada geração uma pessoa é obrigada a considerar-se como tendo realmente saído do Egito. A redenção do Egito e a subsequente experiência da entrega da Torá estabelece a identidade do povo judeu como "servos de D'us", e não "servos de servos".
Após deixarem o Egito, eles jamais poderiam estar sujeitos a este tipo de servidão. Um grande sábio, conhecido como o Maharal de Praga explica exaustivamente como a liberdade adquirida pelo êxodo transformou a natureza essencial de nosso povo. Apesar das conquistas e escravidão impostas por outras nações, a natureza fundamental do povo judeu nunca mudou.
Com o Êxodo, adquirimos a natureza e qualidades de homens livres. Esta natureza é mantida apenas porque D'us está constantemente nos libertando do Egito. O milagre da redenção não é um evento do passado, mas um fato constante em nossas vidas.

O Sêder que Salvou uma Cidade



No ano 5508 (1848), a Europa foi varrida por uma onda de revoluções. Em quase todos os países, os camponeses destituídos e os trabalhadores se levantaram contra seus opressores, para destruir o perverso sistema sob o qual tinham sofrido por tantos séculos. Nesta luta pela liberdade, os judeus, a nação que tinha sido a primeira a colocar em prática os mesmos ideais pelos quais os novos reformadores estavam lutando, foram feitos de vítimas. Bandos de ladrões itinerantes e assassinos, cuja idéia de liberdade era o direito de saquear e matar, com freqüência atacavam as colônias judaicas e as roubavam de suas últimas possessões.
Assim, foi no dia anterior a Pêssach daquele ano que chegou a notícia sobre um ataque iminente a uma cidadezinha na província da Alsácia. Uma carroça carregada de mercadorias e provisões para Pêssach tinha sido detida por um bando de ladrões na estrada. Em vez de saquearem toda a carga da carroça, levaram apenas umas garrafas de vinho, porque, como o cocheiro os ouvira dizer, de qualquer maneira a cidade inteira logo estaria nas mãos deles, incluindo aquela carroça e sua carga completa.
"Não precisamos nos preocupar durante algumas horas" disse o condutor – "porque quando os deixei estavam todos bebendo muito daquele vinho que roubaram. Porém, assim que ficarem sóbrios, virão nos atacar. São cerca de duzentos homens, e todos estão bem armados."
Os judeus não sabiam o que fazer. Seu primeiro impulso teria sido correr para casa e se esconder o máximo possível os seus pertences, mas agora o sol estava se pondo e estava na hora das preces noturnas. O problema foi resolvido para eles por Samuel Leib, o membro mais rico e respeitado da comunidade.
"Primeiro iremos à sinagoga" – disse-lhes Shmuel – "e depois que terminarmos de rezar discutiremos os planos para enfrentar o perigo que se avizinha."
Na sinagoga, Shmuel delineou seu plano de ação. Todos deveriam ir para casa, colocar seus valores em local seguro, e então os homens fisicamente aptos deveriam retornar com machados, facas ou qualquer outra arma que encontrasse, para a casa de Shmuel Leib.
"Minha casa" – disse Shmuel – "é o primeiro local que eles atacarão. A única casa antes da minha é a cabana de Aharon, o açougueiro, e verão logo que nada têm a ganhar roubando aquela casa pobre. Porém quando chegarem à minha casa nós, com a ajuda de D’us, daremos a eles uma batalha que jamais esperaram, e salvaremos nossa cidade."
Os homens seguiram sua sugestão, e meia hora depois cada homem apto da cidade se reunia na casa de Leib – todos exceto Aharon Nihr, o açougueiro. Três homens, fortemente armados para a batalha, foram enviados à casa dele. Quando abriram a porta ficaram perplexos. Sentado à mesa, cercado em ambos os lados pela família, estava Aharon Nihr, celebrando o Sêder de Pêssach.
"Por favor, perdoem-me por não ir à casa de Shmuel Leib" – disse ele em resposta à pergunta deles – "mas é yom tov, a noite do Sêder, celebrada hoje em todos os lugares onde existem judeus. Não é Leil Shimurim, a noite na qual todos os judeus estão protegidos de qualquer perigo? Sinto muito, mas não posso juntar-me a vocês na casa de Leib. Até que o perigo esteja na minha porta, não posso violar a santidade desta Festa."
Impressionados pela coragem do humilde açougueiro, os três homens deram meia-volta. Na residência de Shmuel Leib, em contraste com a paz que reinava no Sêder de Aharon Nihr, havia grande ansiedade. Homens foram enviados para vigiar as posições do inimigo, e após muitas horas reportaram que o bando inteiro se colocara em marcha. Rastejando perto do acampamento do inimigo, ocultos atrás de árvores e sebes, os espiões tinham conseguido entreouvir os planos. Os ladrões se reuniriam na praça principal da cidade, e a um chamado do chefe iniciariam o ataque. Os defensores esperaram tensos pelo momento fatídico.
Os bandidos chegaram. Uma pesada nuvem de trevas cobria a cidade. Até os habitantes não-judeus tinham apagado suas luzes e escondido seus pertences. Havia apenas um ponto de luz em todo aquele mar de escuridão: a casa de Aharon Nihr.
Devagarinho, os ladrões se aproximaram da única casa iluminada. De dentro vinha o som de vozes que cantavam: Aharon e sua família, alheios ao perigo que espreitava lá fora, estavam celebrando o Sêder. Os ladrões estavam prontos para atacar, mas o chefe do bando fê-los esperar. Levando com ele seu lugar-tenente, postou perto da janela e espreitou a sala.
Que cena inspiradora seus olhos viram! Sentado à cabeceira da mesa coberta com uma toalha imaculada de linho branco, estava Aharon e sua mulher, contemplando tudo como um rei e uma rainha, e ao redor deles a família "real", os príncipes e princesas. Todos os modestos tesouros que possuíam estavam sobre a mesa em homenagem ao dia festivo. Seus rostos reluziam com um brilho que expressava o entusiasmo espiritual que os libertava das preocupações do cotidiano; tudo ali falava do passado glorioso e do futuro ainda mais glorioso da nação judaica.
O tenente coçou a cabeça, perplexo. Já tinha visto muitas vezes o açougueiro ir ao vale onde ele morava para comprar um animal, e jamais suspeitara que Aharon Nihr pudesse estar tão interessado em assuntos sagrados. "Bem" – disse ele finalmente – "o que estamos esperando? Vamos ao trabalho!"
Com dificuldade, o ladrão chefe tirou os olhos da janela; tinha entrado numa espécie de transe à visão daquela cena. Percebeu como era indigno de infligir sofrimento a pessoas que pareciam anjos, em sua santidade e perfeição. Lentamente, voltou-se para seu comandado e disse: "Vamos sair da cidade."
O tenente estava a ponto de objetar, mas impressionado pelo tom de voz do chefe, percebeu que discutir seria não apenas inútil, como também perigoso. "Mas o que diremos aos outros?" perguntou ele.
"Não se preocupe com isso" – disse o chefe. "Cuidarei deles."
Foram se juntar ao resto do bando, e assim que chegaram lá, o chefe gritou: "Os judeus usaram sua magia negra contra nós. Se não partirmos agora mesmo, estamos perdidos!"
Rapidamente, os homens deram meia-volta, e em questão de minutos, não havia um único ladrão na cidade.
Depois que o último invasor partira, diversas sombras se mexeram nas trevas que cercavam a casa do açougueiro. Eram os espiões que tinham vindo vigiar o inimigo. Correram à casa de Shmuel Leib e relataram o impressionante acidente. Todos foram então para a casa de Aharon Nihr.
O açougueiro e sua família estavam à mesa do Sêder, alheios ao perigo que tinham corrido. Portanto, foi uma grande surpresa para eles quando Shmuel Leib e os outros homens vieram calorosamente apertar sua mão. Quando eles explicaram o motivo da sua visita, ele disse simplesmente:
"Não foi nada que eu tenha feito; apenas fiz o Sêder como deve ser, e D’us fez Sua parte. Vejam vocês, foi um Leil Shimurim, afinal."

Chag Pêssach Sameach! Feliz Pêssach para todos! Feliz Páscoa!!


sexta-feira, 22 de abril de 2011


por uma causa!!

3
visitando blogs essa semana achei um que me chamou atenção:
a macho alfa:
http://amachoalfa.blogspot.com/
achei muito boa a iniciativa,blogueiros por uma causa
nesses dias tão difíceis que vivemos,tanta violência,ódio,fanatismo religioso,
preconceito,as vezes nem acredito que estamos no século 21 ...
o mundo ta de cabeça pra baixo...
todos aqui que me acompanham no meu blog sabem que sou mãe de uma linda menina autista
e a cada dia vejo que ainda existe muito preconceito e ignorância a respeito do autismo.
ainda vivemos situação de preconceito no nosso cotidiano.
minha filha e eu vivemos uma situação de preconceito terrível em uma agência bancária...
até hoje nem gosto de lembrar do acontecido,pq se tem algo que dói é o preconceito!!
isso também cansa! preconceito por ser gordinha,como se gordinhos não fossem felizes?
preconceito por ser judia,cansada de ouvir que matei cristo,aff!!
e agora pq tenho uma filha autista?
onde isso vai parar??
temos que dar um basta nesse porcaria de preconceito!

hoje conversando com uma amiga, ela me mandou um vídeo.
 nunca ví algo tão terrivel,contra autistas
eu, como mãe to me sentindo indignada.
por isso meu post de blogueiros por uma causa é contra o 
PRECONCEITO
assistam esse vídeo e protestem:














quinta-feira, 21 de abril de 2011


pavlova recife,so doçuras!!

2
gente doçuras tem lugar certo aqui em recife: se chama
pavlova.
essa simpática casinha fica no bairro do pina,e daí 
saem as mais tentadoras delicias!!
veja, só:
bolos:

cupcakes:

Brownie

olha a perfeição dessa embalagem:
e nessa páscoa a pavlova tem novidades:


Contato

Horário Funcionamento:
Segunda a sexta:  8:30 às 18:30H
Sábados: 8:30 às 18:00H
Forma de pagamento: débito em conta, dinheiro ou cheque
Endereço: R. Estudante Jeremias Bastos 238 Pina Recife –PE
Fone: 81- 9753-0650 / 3034-3344
E – mail: vendas@pavlova.com.br
site:
http://pavlova.com.br/

blog:
http://pavlova.com.br/blog/

confiram e boa páscoa^^




ganhei!! o sorteio no blog art's by Kel!!

1
ganhei!! 1 sorteio que sou vencedora na net!!
up!!
esse foi no blog: blog art's by Kel
um blog muito fofo,cheio de coisas especiais!!
confiram o blog ,vcs irão amar^^

beijocas!!



quarta-feira, 20 de abril de 2011


sapatilhas! é tudo de bom!!

2
sempre amei sapatilhas,acho delicadas,românticas e confortáveis, e o melhor sempre estão na moda!!
confiram algumas:






a minha preferida:



ganhei de um amigo que sabe que sou fã número 1 do pequeno príncipe
amei!!
lindas não é?amei as rosas,rosa é uma das minhas cores preferidas!!
calce a sua e pise leve^^

beijocas^^


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget